Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Estou a escrever este post às 20h36m de sábado (dia 21 de março de 2015). Não estou a passear com o João, não estou a arrumar a casa (e não tenho empregada doméstica, apesar de ser um grande desejo meu, ainda não tenho orçamento para isso), não estou a jantar fora...estou aqui a escrever no meu blog. Isso faz de mim uma blogger.
No entanto, ser blogger para mim é um hobbie (e atenção! Eu não digo que não gostasse de ser blogger a tempo inteiro e que isso pagasse as minhas contas) mas é um hobbie.
Para pagar as minhas contas, renda e afins tenho a minha profissão a tempo inteiro - designer. E sim, trabalho 48 horas semanais (por vezes mais se tiver de entregar trabalhos). Portanto, escrever neste blog é um segundo emprego em horas extraordinárias e sem ser pago. E porque o faço? Porque quero mostrar o meu trabalho - sobretudo as minhas ilustrações e pelos vistos, a maioria até acha que tenho jeito para a escrita.

Portanto, não tirem conclusões precipitadas sobre o que é ser blogger (que pelos vistos, na cabeça de muitos é não fazer nenhum...). Mas mesmo assim eu diria, a quem pensa isso, para refletir um pouco sobre o assunto. Não acham que se um blogger se dá ao trabalho de escrever sobre um assunto, dar a sua opinião, não está já a fazer alguma coisa? Pelo menos demonstra alguma proatividade, não?
Mas mesmo que se seja a "Blogger mais in do pedaço" (expressão usada pela magnífica Maria das Palavras - ela que se intitula a menos in do pedaço), daquelas mesmo dondocas, não me parece que mesmo assim a teoria do "não-faz-nenhum" se aplique. Sabem, é que escrever dá trabalho. Aliás, dá mais trabalho dar uma opinião escrita e fundamentada sobre as dívidas do primeiro ministro à segurança social do que apenas dizer em alto e bom som "São todos uns ladrões!". Mas isto são só os meus bitaites. Porque isto de ser blogger é que é.
Bom fim de semana meu Portugal.
T**

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Imagem de perfil

De Inês a 24.03.2015 às 21:35

Entrei neste mundo há pouquíssimo tempo e já consigo concordar contigo. Tenho um blog porque me dá prazer, mas, para alem disso, dá-me trabalho. Tira-me tempo. E logo a mim, "a senhora do stress"!. No entanto ainda não me passou bela cabeça, uma única vez, de acabar com ele. Não escrevo todos os dias, é verdade. Escrevo quando posso,mas não é quando calha, tenho um tempo, ao qual faço questão de anotar na minha agenda, para me dedicar inteiramente à escrita. E gosto, gosto mesmo. E acredito que quem lê aquelas palavras acabe por gostar também. É isso que me faz continuar.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



por TERESA SERRANO - este é um blog de experiências do dia-a-dia com um toque de sarcasmo e ilustrado por uma designer que " Quando-for-grande-quer-ser-ilustradora".

Pesquisar

  Pesquisar no Blog